Drones devem ajudar os Estados Unidos a monitorar as ruas e identificar prováveis infectados. O governo norte-americano deve implementar a utilização de aeronaves nas ruas de Nova Jersey, Connecticut e outras regiões muito afetadas pela COVID-19 em breve. As autoridades locais aprovaram a utilização de drones capazes de “ler a condição de saúde” das pessoas e também enviar mensagens de áudio alertando para que os cidadãos sejam cautelosos. Vale ressaltar que, assim como outros países, os Estados Unidos tem uma série de restrições, incluindo multa para alguns casos de desobediência.


A empresa responsável pela fabricação desses drones é a Draganfly, que já distribuiu algumas de suas unidades à Austrália para serviços de vigilância durante a pandemia. Segundo Cameron Chell, CEO da Draganfly, os dados colhidos durante a observação das pessoas são anônimas. Ele comentou a utilização desses dispositivos em uma entrevista concedida à ABC7, explicou que as pessoas verão essas máquinas muito em breve, onde a situação está muito crítica. O CEO também explica que elas servem basicamente para fornecer informações de monitoramento de saúde e ajudar na tomada de decisão.


Leia também: Drones pulverizadores são testados para combater o coronavírus em Porto Alegre


Chell também reforça que a câmera é capaz de ler o comportamento da pessoa analisada e detectar febre medindo mais do que a temperatura, detecta espirro e tosse, por exemplo. Além disso, podem detectar a frequência de batimento cardíaco e frequência de respiração, tudo isso entendendo se a pessoa está respeitando o distanciamento social. Ele explica que o drone pode será muito útil em diversas situações, incluindo quando há uma multidão e as autoridades desejam determinar qual é a taxa de infecção da multidão e se ela está praticando o distanciamento social.

Aqui no Brasil, mais especificamente no Rio de Janeiro, os drones já estão sendo utilizados, o modelo Mavic 2 Enterprise é usado para dispersas aglomerações.

Participe das comunidades tecflow no Telegram, FacebookLinkedInInstagram Twitter

https://www.tecflow.com.br/feed

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.