Desenvolvedores passarão mais de 30 horas criando ferramentas de prevenção à corrupção



Depois dos eventos em São Paulo e Campinas, a maratona Hacker de combate à corrupção chega até Santos! Entre os dias 2 e 3 de dezembro será realizado o “Hack In Santos”, que reunirá desenvolvedores para analisar os dados abertos de todos os órgãos públicos de Santos, com o objetivo de criar ferramentas digitais que auxiliem na redução dos gastos e na prevenção da corrupção.

“Temos milhares de jovens talentos com grande potencial intelectual para desenvolver as mais modernas ferramentas para auxiliar na prevenção à corrupção. A ideia da maratona hacker surgiu com este objetivo”, diz o vereador paulistano Police Neto. “Esperamos que, futuramente, estas plataformas criadas pelos hackers sejam utilizadas para um controle mais rígido dos gastos e das contratações públicas”, completa.

A primeira maratona hacker sobre o assunto (Hack In Sampa), realizada pelo Police, trouxe grandes resultados. O Extrato Público, site que monitora os gastos dos vereadores de São Paulo e o Suspeitando, que analisa, compara e investiga os contratos feitos pela Prefeitura se basearam apenas em dados que antes eram públicos, mas não eram de fácil compreensão do cidadão comum. Em campinas, com o nosso apoio, foram desenvolvidos projetos semelhantes com o mesmo objetivo de aumentar a transparência dos órgãos públicos. As duas maratonas usam como base o projeto de lei nº 01/2017, de Police Neto, que cria a Política Municipal de Prevenção à Corrupção.

“Muito importante trazer pessoas com propósito de mudar o cenário de corrupção no Brasil para cada vez mais lugares. Os hackers irão desenvolver plataformas digitais que criam ferramentas de transparência para a cidade de Santos. Isso vai garantir mais fiscalização por parte da população”, destacou Marco Riveros, CEO da Zero Treze Inovation Space. Santiago, o diretor da LAB4D também destaca a importância do evento, “ Precisamos trazer cada vez mais para a população atitudes como essa, é nosso dever também fiscalizar como gastam nosso dinheiro e essa maratona torna isso mais fácil.”

O Hack In Santos será organizado pelo vereador paulistano Police Neto, terá patrocínio da IBRACON e realização da incubadora de projetos sociais Cidade Viva, com a empresa Zero Treze Inovation Space, Horizon Four e a LAB4D, estreante no ramo de coworking, que irá prestigiar o evento com o espaço deles.
https://www.tecflow.com.br/feed

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.