Satélite CHEOPS foto
O satélite CHEOPS, construído pela Airbus, foi lançado com sucesso nesta última quarta-feira (18) em um foguete Soyuz, a partir da base europeia de lançamento espacial em Kourou, na Guiana Francesa. O lançamento é a primeira missão exoplanetária da Agência Espacial Europeia (ESA) e é também o primeiro satélite construído pela Airbus na Espanha para a ESA.


A tecnologia desenvolvida pela Airbus estudará as características de exoplanetas de estrelas próximas, observando planetas conhecidos — que tenham um tamanho entre o da Terra e o de Netuno — e medindo com precisão seus raios para determinar sua densidade e composição. O CHEOPS conta ainda com ferramentas que preparam o caminho para missões maiores e mais ambiciosas, com o objetivo, inclusive, de identificar se algum exoplaneta pode ser capaz de oferecer suporte à vida.

A importância  do lançamento do CHEOPS para Airbus


O veículo lançador Soyuz decolou conforme planejado, com seus cinco passageiros instalados no recipiente de cargas múltiplas, também construído pela Airbus. O CHEOPS fez sua separação duas horas e 23 minutos depois da decolagem e, após sua entrada em funcionamento em órbita, iniciará sua vida útil operacional de pelo menos 3 anos e meio em uma órbita terrestre síncrona ao Sol a uma altitude de 700 km.

“O CHEOPS é um programa de extrema importância para a Airbus por ser a primeira missão científica iniciada na Espanha”, afirma Phillipe Pham, diretor de observação da Terra, Navegação e Ciência da Space Systems. “Com a experiência e o forte engajamento de nossa equipe e nossos 24 parceiros de 11 países na Europa, conseguimos entregar o satélite à ESA dentro do prazo e contribuímos para esse sucesso”, concluiu.

Participe das comunidades tecflow no FacebookLinkedInInstagram Twitter
https://www.tecflow.com.br/feed

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.